Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alinhavo de poesias

Alinhavo de poesias

08
Dez18

O mar

Filomena

O mar 

na sua tranquila e serena 

manhã 

conversava connosco 

as cores 

que o humedeciam 

de voz e de silêncio 

nas tonalidades 

azul claro esbatendo-se 

nos brancos espelhados de sol 

da rebentação alegre 

das águas 

e reflectia Dezembro 

nas suas ternas expressões  ...

Cobria-o um céu muito azul 

dourado pelo sol baixo 

desta época do ano 

e ali estávamos eu e o João

para nos encharcarmos 

de paisagem ,

gaivotas , só uma 

usufruindo tudo isto 

num vai e vem 

como só elas sabem ditar  ...

16
Out18

Sonho o mar ...

Filomena

Sonho o mar

na sua terna mansidão

e deixo-me por ele penetrar

suando as brisas

que o próprio movimento largo

das ondas

em mim recria

neste sossegar dos pensamentos

e da alma ...

O outono por aqui se demora

em azuis celestiais

e radiosos sóis

inventariando os deve e haver

do Criador

numa e noutra cantiga de chão

e ditando rimas

vai transformando

o colorido da imaginação nossa

e das tonalidades da paisagem

sublinhando o traço

das figurações

e os hábitos dos costumes

que a tradição supõe

e a paz caseira configura ...

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D